Cada um tem sua peculiaridade na hora de resolver problemas. Uns mais práticos, outros mais detalhistas.

E isso se aplica a vários acasos que acontecem no nosso dia-a-dia. Como por exemplo, trocar uma lâmpada. Já parou pra pensar como ou quantas pessoas são necessárias para trocar uma lâmpada? Relatando alguns clichês básicos, observando e declarando outros, cheguei num consenso; inclusive no meu próprio (que diga-se de passagem, é o mais completo e minimalista de todos, por isso, eu ganhei!)

Mas vamos lá. Quantas e como para trocar um lâmpada se essas pessoas forem:

1)- Gays? Seis: um para trocar e cinco para ficar gritando: Linda! Poderosa! Maravilhosa! Divina! Tuuudoo!

2)- Peruas? Duas: uma chama o eletricista e a outra prepara os drinques.

3)- Psicólogos? Apenas um, mas a lâmpada PRECISA QUERER ser trocada.

4)- Portugueses? Cinco: um para segurar a lâmpada e outros quatro para girarem a escada.

5)- Pessoas da área de software? Nenhum. Isso é um problema de hardware.

6)- Consultores? Dois… Um sempre abandona o trabalho no meio do projeto.

7)- Bêbados? Um, é pra segurar a lâmpada, enquanto o teto vai rodando.

8)- Desenvolvedores de sistemas? Trocar pra quê! Não tem problema algum com a lâmpada velha, porque nos testes aqui no escritório ela funcionava bem.

9)- Ativistas Gays? Nenhum. A lâmpada não precisa mudar, para ser aceita pela sociedade.

10)- Cantores sertanejos? Dois: Um troca a lâmpada e o outro escreve uma canção sobre os bons tempos da lâmpada antiga…

11)- Machões? Nenhum: macho não tem medo de escuro.

12)- Patricinhas? Duas: uma pra segurar a Coca light e outra pra chamar o papai.

13)- Argentinos? Um só: ele segura a lâmpada e o mundo gira ao seu redor.

14)- Musicos? Nenhum: “Onde está a equipe técnica?”

14)-Carol com TPM? Só ela! Sozinha!! Porque ninguém, dentro desta casa sabe como trocar uma lâmpada! São um bando de IMPRESTÁVEIS!!! Eles nem percebem que a lâmpada queimou! Eles podem ficar em casa no escuro por três dias antes de notar que a bosta da lâmpada queimou! E quando eles notarem, vão passar mais cinco dias esperando que EU troque a lâmpada, porque eles acham que eu sou ESCRAVA deles!!! E quando eles se derem conta de que eu não vou trocar a lâmpada, eles ainda vão ficar mais dois dias no escuro porque não sabem que as lâmpadas novas ficam dentro da merda da dispensa! E se, por algum milagre, eles encontrarem as lâmpadas novas, vão arrastar a poltrona da sala até o lugar onde está a lâmpada queimada e vão arranhar o piso todo, porque são INCAPAZES de saber onde a escada fica guardada e sujar todo o estofado por que não tem o mínimo respeito nem por onde aposentam as bundas! É inútil esperar que eles troquem a lâmpada, então sou EU mesma quem vai trocá-la! E como eu sou uma mulher independente, capaz e auto-suficiente, eu vou lá e troco! Não preciso do favor e nem da caridade de ninguém! Posso muito bem me virar sozinha e não quero a solidariedade de ninguém porque não quero ficar em divida de favor. E SOME DA MINHA FRENTE !!!!

TÁ?!?!?!

Não há nada de insano na TPM. Apenas enaltece e aflora o íntimo. Faz com que os desejos se tornem completamente possíveis e prováveis de acontecer. Dona Mônica mesmo disse: “Se eu digo que tenho vontade de escaldar o seu pai com aguá fervente, na TPM isso é uma verdade iminente e possivelmente vai acontecer!”…

Tenho orgulho (medo) dos meus genes!

TPM - Take care with yourself!...

Anúncios